Daniel Augusto Jr/ Estadão
Daniel Augusto Jr/ Estadão

Duílio espera confirmar Manoel e acertar empréstimo de Moisés e Marquinhos Gabriel

Diretor de futebol do Corinthians falou sobre reforços e sobre os jogadores que deixarão o elenco

João Prata, O Estado de S.Paulo

14 Janeiro 2019 | 04h30

O diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, espera definir a contratação do zagueiro Manoel nesta semana. O dirigente disse que a negociação está encaminhada e restam apenas detalhes para que ele seja oficializado. 

"Vamos aguardar ele vir para cá, realizar os exames e assinar o contrato para que a gente possa anunciar", disse. Duílio aproveitou para negar que o zagueiro tenha pedido salário de R$ 500 mil além de auxílio moradia de R$ 50 mil.

"O Manoel, o Cruzeiro e o empresário estão fazendo força para ele vir. Saiu uns pedidos que não são reais. Mas está tudo encaminhado", afirmou. O presidente do Cruzeiro, Wagner Pires, disse ao Estado que a negociação está certa. O empresário Neco Cirne disse que ainda não.  

Duílio também comentou que o técnico Fábio Carille deverá contar com o centroavante Mauro Boseli nesta semana. O argentino viajou ao México para cuidar da mudança. No entanto, acha que ele deverá ficar fora da estreia no Campeonato Paulista, no domingo, contra o São Caetano, em casa.

"É difícil que ele tenha condições. Ainda não treinou com o grupo. Chega dia 17, o mais tardar 18. É muito difícil porque não trabalhou com o grupo. Mas essa é uma decisão do Carille", comentou.

EMPRÉSTIMOS - Duílio espera definir o quando antes a situações de três dos atletas que retornaram de empréstimo: os meias Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto além do lateral-esquerdo Moisés.

Marquinhos Gabriel rescindiu contrato de empréstimo com o Al-Nasr, dos Emirados Árabes no domingo, e pode ser envolvido em alguma negociação. Duílio admitiu que há muitos clubes interessados. "Fluminense, Atlético-MG e Grêmio e mais outros clubes demonstraram interesse. A gente começou a conversar, mas não teve nada oficial. Vamos esperar o retorno dele para definir essa situação", disse.

Giovanni Augusto retornou do Vasco, mas ainda tem futuro incerto. A direção do Corinthians definiu apenas que ele não seguirá no elenco. "A ideia é emprestar ele novamente. Já está definido. Estamos aguardando uma possibilidade que agrade ao clube e a ele", comentou.

O que está mais próximo de deixar a equipe é o Moisés, que disputou a última temporada pelo Botafogo. "Temos algumas opções. Ele foi bem no Botafogo, que demonstrou interesse. Tem também o Bahia... O caso dele deve ser definido nesta segunda-feira", afirmou. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.