Dunga culpa gramado sintético por empate do Inter

O gramado sintético do Estádio Passo D''Areia, em Porto Alegre, foi apontado por Dunga como o principal responsável pelo primeiro tropeço do Internacional no segundo turno do Campeonato Gaúcho. Após seis triunfos seguidos na temporada, o time apenas empatou por 0 a 0 com o São José, em partida válida pela quarta rodada da Taça Farroupilha.

AE, Agência Estado

28 de março de 2013 | 09h57

Dunga garantiu ter gostado da atuação do Inter. "Todos no estádio viram que as jogadas não saíam. É complicado jogar neste tipo de gramado. Mas o time foi bem. Teve as suas oportunidades", afirmou o técnico, que poupou, por precaução, o meia argentino D''Alessandro.

O atacante Leandro Damião, que desperdiçou uma boa oportunidade de gol no segundo tempo, também reclamou do gramado sintético. "Todo mundo se entregou, mostrou que está querendo, mas gente não está acostumado do gramado", disse.

Apesar do empate, o Inter permanece na liderança do Grupo B, com 10 pontos. A equipe volta a entrar em campo neste sábado, quando vai enfrentar o Esportivo, em Novo Hamburgo, às 21 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.