Dunga e Gilmar vão à Espanha para ver a seleção Sub-20

O treinador do time principal que ocupa o lugar que era de Felipão começa a observar atletas pensando nos amistosos de setembro

Estadão Conteúdo

13 de agosto de 2014 | 11h17

O técnico da seleção brasileira, Dunga, e o coordenador geral de seleções da CBF, Gilmar Rinaldi, embarcarão nesta quarta-feira rumo à Espanha para acompanhar a equipe Sub-20 do Brasil, que está disputando o Torneio de Cotif, em Valência. A entidade que comanda o futebol nacional confirmou a viagem da dupla por meio de nota em seu site oficial, assim como informou que os dois profissionais retornarão ao País na próxima segunda-feira.

Dunga já se encontrou com os comandados do técnico Alexandre Gallo no início da semana passada, quando visitou a Granja Comary e conheceu as recém-reformadas instalações do CT da seleção, em Teresópolis, na região serrana do Rio, onde o time ficou concentrado durante a Copa.

Um dia após a chegada ao Brasil, Dunga anunciará sua primeira convocação nesta sua segunda passagem pelo comando do time nacional. Ele chamará os atletas que disputarão os amistosos contra Colômbia e Equador, respectivamente nos dias 5 e 9 de setembro, nos Estados Unidos. A lista de convocados será anunciadas às 11h30 de terça, na sede da CBF, no Rio.

Na última terça, a seleção brasileira Sub-20 estreou no torneio amistoso realizado em Valência com empate por 1 a 1 com o Catar. Em solo espanhol, Dunga e Gilmar assistirão aos jogos contra Equador, China e Valência, time espanhol que participa da competição como anfitrião. Antes de se encontrar com Dunga na Espanha, Alexandre Gallo afirmou que o empate por 1 a 1 com o Catar serviu como aprendizado para a equipe, assim como destacou que o time precisará se adaptar ao campo artificial que recebe os jogos do torneio.

"Não fizemos uma boa partida. O resultado foi importante para mostrar que precisamos de uma rápida adaptação ao gramado sintético. Nossos jogadores são todos profissionais e não estão habituados (a este tipo de superfície). Vamos nos adaptar o mais rápido possível à competição para chegar ao segundo jogo em um estágio melhor", ressaltou o comandante. O Brasil voltará a jogar pelo Torneio de Cotif nesta quinta, quando enfrentará o Equador, às 15h15 (horário de Brasília).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.