Andre Penner/AP
Andre Penner/AP

Dunga espera avaliação médica para definir seleção

Treinador não quis falar quantos jogadores devem ser poupados para o jogo contra os EUA, nesta quinta

AE, Agencia Estado

17 de junho de 2009 | 11h40

PRETÓRIA - O técnico Dunga afirmou nesta quarta-feira que ainda não definiu quais jogadores da seleção brasileira serão poupados para a partida contra os Estados Unidos, na quinta, às 11 horas (com transmissão online pelo estadao.com.br), pela segunda rodada da Copa das Confederações. O treinador deve esperar os resultados de uma avaliação médica para decidir quem ficará fora do jogo.

Veja também:

linkBrasil tenta minimizar desgaste físico

linkBrasil conta com retrospecto positivo

linkJorginho defende ideia de mais substituições

linkJuan não treina e deve ser poupado

Copa das Confederações 2009 - tabela Classificação

Copa das Confederações 2009 - lista Calendário

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

"No fim da tarde vamos pegar todos os testes que foram feitos. Dentro disso, vamos montar a equipe, vendo quem está melhor, quem se recuperou de forma mais rápida ou está menos desgastado", afirmou Dunga.

O treinador não quis falar quantos jogadores devem ser poupados, limitando-se a dizer que as mudanças levarão em conta o aspecto físico. "Em princípio o que vai pesar mais é esta questão, e não a parte técnica."

Entre os jogadores que devem ser poupados deve estar o zagueiro Juan. Na terça-feira, o defensor afirmou que sua ausência em algumas partidas já estava programada, e deu a entender que não enfrentará os norte-americanos.

Para Dunga, o fato de ter de poupar jogadores tem vantagens e desvantagens. "Nos preocupa um pouco essa mudança dos jogadores que estão mais entrosados. Mas por outro lado, é bom para ver jogadores que ainda não tiveram muitas oportunidades."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.