Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Dunga comenta escolha por Alisson: 'Estava sobrando'

Jefferson perdeu seu lugar na 2ª partida das Eliminatórias

O Estado de S. Paulo

30 de novembro de 2015 | 22h10

Dunga não gosta que os jogadores brasileiros usem a imprensa para 'cavar' lugar na seleção brasileira. O treinador não escondeu sua insatisfação ao comentar as declarações do goleiro Jefferson, que disse que deveria ter tido mais crédito quando foi sacado do gol do Brasil na segunda partida das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018.

"Tem de vir falar para mim, não adianta falar para os outros porque não vai mudar nada em meu pensamento. Eu falo para os meus jogadores. Não quero ter razão, quero ganhar. Se tu me provar que A é melhor que B, eu troco. Mas tem que me provar", disse Dunga em entrevista ao canal FOX Sports.

O treinador ainda justificou a escolha de Alisson, que ganhou a camisa 1 na partida contra a Venezuela. "O Alison estava sobrando nos treinamentos. Foi muito parecido quando treinei o Inter, com o irmão dele (Muriel). Alison estava sobrando. O jogador se escala", explicou.

O comandante da seleção brasileira, que ocupa a terceira posição nas Eliminatórias, ainda mandou um recado para Thiago Silva. "Ele tem chance de voltar. Mas não adianta assessor colocar notícia e jornal, não vai pressionar". E ainda completou: "No caso do Thiago, estamos testando estamos testando uma série de jogadores, mesclando experientes e jovens".

Tudo o que sabemos sobre:
Futebol, seleção brasileira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.