Dupla de zaga é o ponto forte da boa campanha do Corinthians no ano

Gil e Cleber se transformam nos pilares da equipe de Mano Menezes com boas atuações na defesa e ajudando no ataque

Raphael Ramos, O Estado de S.Paulo

12 de agosto de 2014 | 07h00

A chave da boa campanha do Corinthians está no setor defensivo. Em 14 jogos, a equipe sofreu apenas seis gols e tem a defesa menos vazada do Campeonato Brasileiro. Consequentemente, o Alvinegro é o time que menos perdeu na competição, com apenas uma derrota.

Antes contestada, a dupla de zaga formada por Cleber e Gil se transformou em um dos pilares da equipe de Mano Menezes e, com boas atuações, acabou com as desconfianças do torcedor desde as saídas de Chicão e Paulo André, campeões do mundo em 2012.

Um dos pontos fortes da dupla está nas jogadas aéreas. Gil mede 1,92m e Cleber, 1,86m. E ambos têm se destacado nesse tipo de jogada tanto na defesa como no ataque. No clássico de domingo, contra o Santos, por exemplo, a melhor chance de gol criada pelo Corinthians no primeiro tempo foi numa cabeçada de Cleber. Na etapa final, Gil fez o gol da vitória após desviar de cabeça um escanteio cobrado por Renato Augusto.

O elenco ganhou folga na segunda-feira e retorna aos treinamentos nesta terça-feira pela manhã. Contra o Bahia, sábado, às 21h, no Itaquerão, o lateral-direito Fagner volta à equipe após cumprir suspensão.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansFutebolBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.