Divulgação
Divulgação

Durval fica emocionado com a convocação para a seleção

Zagueiro diz que não esperava ser chamado para o Superclássico das Américas, no próximo dia 21, em Buenos Aires

SANCHES FILHO, O Estado de S. Paulo

13 de novembro de 2012 | 16h38

SANTOS - O zagueiro do Santos Durval se emocionou, após o treino de hoje (13) cedo no CT Rei Pelé, ao receber a notícia de sua convocação, com Neymar e Arouca, para o segundo jogo Brasil contra a Argentina pelo Superclássico das Américas, dia 21, em La Bambonera, em Buenos Aires. Após a atividade, o defensor foi recebido em festa nos vestiários e chegou a pensar fosse uma brincadeira a informação de que está na Seleção Brasileira.

“Todos os jogadores sonham com a convocação para jogar pela Seleção Brasileira. Comigo não era diferente”, disse Durval, que recebeu os cumprimentos dos companheiros, dos integrantes da comissão técnica e de funcionários do CT Rei Pelé. “Espero fazer o meu melhor e o que vai facilitar é que Neymar vai estar lá na frente”.

Zagueiro canhoto de 32 anos, Durval foi contratado pelo Santos no começo de 2010 para ser o companheiro de Edu Dracena e jamais deixou de ser titular. Na atual temporada, ele participou de 60 jogos e marcou dois gols.

Nos quase três anos de clube já são 194 jogos e cinco gols marcados. “Quando me falaram que eu fui convocado não estava acreditando na notícia”, disse o colecionador de títulos Durval, que conquistou dez estaduais consecutivos desde que iniciou a carreira profissional no Botafogo, da Paraíba, em 2003.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.