Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Goleiro Ederson tem lesão muscular e desfalca a seleção em amistosos contra a Coreia e Japão

Arqueiro do Manchester City estava escalado para ser titular no duelo de quinta-feira, em Seul, mas problema na coxa deve colocar Weverton, do Palmeiras, na meta brasileira para duelo contra a seleção sul-coreana

Felipe Rosa Mendes, Estadao Conteudo

31 de maio de 2022 | 10h47

A seleção brasileira sofreu sua segunda baixa para os amistosos desta Data Fifa, na Ásia. O goleiro Ederson sofreu uma lesão muscular na coxa esquerda no treino desta terça-feira e se tornou desfalque para os jogos contra Coreia do Sul, nesta quinta, e contra o Japão, no dia 6.

Ederson estava escalado para ser titular na partida marcada para Seul porque Alisson, assim como os demais finalistas da Liga dos Campeões, esteve em campo no sábado e só se apresentou à seleção nesta terça. Com a lesão de Ederson, o titular nesta quinta será Weverton, do Palmeiras.

O goleiro do Manchester City vinha treinando normalmente com a seleção desde que se apresentou com a maior parte dos atletas, na quinta-feira da semana passada. Na segunda, Tite definiu os titulares do primeiro amistoso com Ederson no gol. Nesta terça, ele foi mantido entre os 11, até que reclamou de dores na coxa esquerda.

Ederson deixou o gramado do estádio Goyang, local do treino do time, na companhia do médico da seleção, Rodrigo Lasmar, e realizou alguns exames, que acabaram identificando o problema muscular. A CBF não revelou o tempo de recuperação do atleta, que só deve voltar a jogar em agosto, por estar de férias em seu clube - a temporada europeia foi encerrada oficialmente no sábado passado.

O goleiro não é o único no departamento médico da seleção. O zagueiro Gabriel Magalhães não treinou nesta terça também em razão de dores musculares na coxa esquerda. O jogador, que ainda busca fazer sua estreia com a camisa da seleção principal, já seria reserva no amistoso com a Coreia do Sul.

Antes da baixa de Ederson, Tite já havia perdido um dos seus convocados. O lateral-direito Danilo foi cortado antes mesmo da apresentação dos jogadores. O treinador não chamou ninguém para ocupar seu lugar na lista.

Com o desfalque do goleiro do Manchester City, Tite deve escalar a seleção na quinta com Weverton; Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Fred, Bruno Guimarães, Neymar; Lucas Paquetá, Raphinha e Richarlison.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.