Vinnicius Silva/Cruzeiro
Vinnicius Silva/Cruzeiro

Edilson fala em 'profissionalismo' do Cruzeiro para jogo no domingo

Campeão da Copa do Brasil, time cobra empenho para partida contra o América-MG, pelo Brasileiro

Estadão Conteúdo

03 Novembro 2018 | 20h34

Após uma semana de treinamentos, os jogadores do Cruzeiro prometem que a conquista da Copa do Brasil ficou no passado e que os sete jogos restantes no Campeonato Brasileiro serão disputados com o máximo de profissionalismo. A começar do duelo deste domingo diante do América-MG, pela 32.ª rodada, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

"Esse conforto no campeonato nós adquirimos após o título da Copa do Brasil, mas nosso objetivo é fazer o melhor jogo possível. Temos um técnico muito profissional que nos cobra muito e o cruzeirense que for ao campo verá uma equipe que vai brigar muito pelas vitórias no restante dos jogos, independentemente de estarmos confortáveis na tabela", disse o lateral-direito Edilson.

O fato de o adversário estar brigando para fugir das últimas colocações torna a partida ainda mais complicada. "O América-MG tem jogadores experientes, de qualidade, algumas opções de certa velocidade. Eles vão apresentar dificuldades contra nós, mas temos de buscar nosso jogo, o equilíbrio, para alcançarmos o objetivo", afirmou o experiente zagueiro Léo.

Após uma semana de treinamentos fortes, os atletas disputaram o tradicional rachão neste sábado, vencido mais uma vez pela equipe liderada por Lucas Romero e Henrique. "Continua tudo normal em BH", brincou o volante argentino, ao falar da diferença de três gols de seu time sobre o de Thiago Neves e Dedé.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.