Edílson promete desequilibrar para o Fla

Com o retorno do atacante Edílson e do meia Felipe, o Flamengo inicia os jogos de volta do Campeonato Brasileiro contra o Bahia, nesta quinta-feira, às 20h30, no Maracanã. Com os dois atletas na equipe, o Rubro-Negro realizou seis partidas, obtendo três vitórias, dois empates e uma derrota. ?Todos viram que já corri bem, recuperei minha forma e também não senti dores na perna", disse Edílson, que foi afastado da equipe porque estava sem condições físicas. ?Isso tudo vai me ajudar porque, recuperado, poderei jogar bem e desequilibrar as partidas." Apesar da volta dos dois destaques, o técnico Oswaldo de Oliveira pode ser obrigado a escalar o volante André Gomes no lugar de Fabinho, que está com uma infecção intestinal. O zagueiro Fernando disputa com Henrique uma vaga na equipe. Um dos mais motivados do elenco é o goleiro Júlio César que completa 200 jogos vestindo a camisa rubro-negra. O jogador estreou pelo Flamengo em 1997, na vitória por 1 a 0, contra o Palmeiras, pela semifinal da Copa do Brasil. ?Tinha 17 anos e minhas pernas começaram a tremer. Estou muito orgulhoso, principalmente, porque desde 2000 sou o titular da posição", contou. Com 28 pontos, em 23 jogos, o título do Nacional já não é tido como prioridade no Flamengo. A principal intenção de todos é a de chegar entre os primeiros da competição para assegurar uma vaga na disputa da Copa Libertadores da América. Para atingir o objetivo, Oswaldo de Oliveira disse ter a receita. ?Muita garra e esforço dos jogadores."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.