Edinho lamenta vacilo do Palmeiras no gol corintiano

Após a derrota no clássico deste domingo, o volante Edinho lamentou o vacilo da defesa do Palmeiras no lance que originou o gol corintiano. Jorge Henrique subiu de cabeça, sem marcação, e marcou o gol da vitória aos 7 minutos de jogo, após cobrança de falta de Tcheco.

AE, Agencia Estado

31 de janeiro de 2010 | 21h04

"Tomamos o gol numa bobeira nossa. Depois disso o time do Corinthians ficou o tempo todo atrás. Pressionamos o jogo inteiro mas não conseguimos empatar a partida", afirmou o jogador. Dois minutos depois do gol, Roberto Carlos fez falta violenta e foi expulso, deixando o Corinthians com um a menos em campo.

Edinho, porém, disse que o revés não desanimará o grupo do Palmeiras. "Temos que levantar a cabeça e seguir trabalhando e pensar agora no próximo jogo do campeonato", pregou.

Já o lateral-esquerdo Armero não conteve as lágrimas ainda durante a partida. O colombiano não gostou de ser substituído antes do intervalo, aos 26 minutos. "Fiquei triste. Não queria sair", desabafou. Ele tinha recebido o cartão amarelo e deu lugar a Wendell. "O Armero iria ser expulso", justificou Muricy, ao final do jogo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.