Edmilson diz que projeto pesou para escolher Palmeiras

Anunciado nesta quarta-feira como o oitavo reforço do Palmeiras para a temporada, o zagueiro e volante Edmilson, de 32 anos, disse que decidiu voltar ao Brasil, depois de oito anos e meio no futebol europeu, por causa do projeto preparado pelo clube para disputar a Libertadores, além da chance de trabalhar com o técnico Vanderlei Luxemburgo."Topei voltar ao Brasil pelo projeto sério e a longo prazo que o Palmeiras tem em mente. Além disso, vai ser um prazer trabalhar com o Vanderlei Luxemburgo, a quem tenho profundo respeito e é um treinador vitorioso", afirmou o jogador, que estava no Villarreal, em nota distribuída pela assessoria do clube.Edmilson tratou de acalmar a torcida e dizer que está em boa forma - em 2006, uma lesão no joelho fez com que fosse cortado da seleção às vésperas da Copa do Mundo da Alemanha. "Claro que não sou mais um garoto de 20 anos. Mas vinha atuando e não tenho medo de encarar esse desafio."Revelado no São Paulo, Edmilson diz que ainda sonha em voltar a defender a seleção, além de conquistar um Brasileiro e uma Libertadores. "São títulos que ainda não tenho. Meus planos são ambiciosos, assim como os do Palmeiras", completou o jogador, que foi campeão mundial com a seleção brasileira, na Copa de 2002, e da Liga dos Campeões pelo Barcelona, em 2006.O Palmeiras confirmou que Edmilson será apresentado oficialmente na segunda-feira, ao meio-dia, no CT da Barra Funda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.