Edmundo faz de 'tudo' para voltar ao Vasco

Jogador aceita pagamento de metade da dívida que o clube possui, que hoje seria de R$ 18 milhões

08 de janeiro de 2008 | 19h02

O atacante Edmundo, ex-Palmeiras, continua fazendo força para jogar ao lado do desafeto Romário, no seu clube de coração, o Vasco da Gama. O jogador aceitou reduzir sua pedida salarial e ainda reduzir pela metade o pagamento de cerca de R$ 18 milhões que o clube de São Januário lhe deve. Edmundo quer um contrato de dois anos, mas a diretoria pretende assinar por apenas um ano. No entanto, a concretização do negócio irá depender do Vasco delinear claramente como fará os pagamentos. Em 2003, Edmundo fez pacto semelhante para retornar ao clube e receber dívidas referentes ao fim de seu contrato em 2000. O jogador pretende encerrar a carreira no Vasco, já que sua tentativa de continuar no Palmeiras fracassou com a chegada do técnico Vanderlei Luxemburgo. Edmundo seria o grande reforço vascaíno no começo da temporada 2008. Enquanto isso, o técnico-jogador Romário treina a equipe que disputará o Torneio de Dubai, a partir desta quinta-feira. A intenção é realizar uma boa campanha e continuar o flerte com a companhia área Emirates, para ser a possível patrocinadora master do clube.

Tudo o que sabemos sobre:
Estadual do RioVascoRomárioEdmundo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.