Édson Araújo será apresentado amanhã

Édson Araújo, que ficou conhecido como Edson Pelé quando foi revelado pela Portuguesa, assinou contrato até 31 de dezembro com o Corinthians e já foi inscrito no Campeonato Paulista. O atacante será apresentado oficialmente ainda neste sábado pela manhã, após o treino matinal na Vila Olímpica, no Parque Ecológico do Tietê. O desfecho da negociação dependia da chegada de sua documentação a tempo de ser inscrito na Federação Paulista de Futebol. Como chegou no prazo previsto, Edson enfim pôde sacramentar a sua transferência. Se não fechasse hoje, o negócio teria de ser cancelado porque o prazo para inscrições venceu às 18h. Juninho comemorou a chegada de Edson a tempo de disputar o Campeonato Paulista. "A Copa do Brasil é importante mas o nosso problema mais urgente é o Campeonato Paulista", disse. Em 2002, quando ainda jogava pela Portuguesa, Edson levou um tiro na traquéia, durante um assalto em Arujá, cidade onde cresceu. Edson afirma que a cicatriz deixada no pescoço pela perfuração da bala do revólver calibre 22 é a única lembrança da trágica noite de 13 de junho de 2002. Depois disso, ele se transferiu para o futebol japonês, de onde chegou para o Corinthians. Além de Edson, a diretoria estuda a contratação de outro atacante para a disputa da Copa do Brasil. Uma parte da diretoria defende a idéia de se trazer alguém de peso - tipo França e Luizão. Jogadores que custem mais caro mas que resolvam o problema. A contratação de Edson Pelé também gerou um ?racha? no Parque São Jorge. Alguns dirigentes entendem que os critérios utilizados na escolha de reforços na virada do ano não foram os ideais - quantidade e não qualidade. A vinda de Edson Pelé se encaixa naquele perfil. A próxima contratação deve observar um novo critério, privilegiando a qualidade e não a quantidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.