Edu Dracena diz que empate com Corinthians foi injusto

Para o capitão santista, o Santos merecia a vitória

Agência Estado

27 de outubro de 2013 | 20h24

SÃO PAULO - Edu Dracena acredita que o Santos dominou o segundo tempo e merecia ter vencido o clássico contra o Corinthians, disputado neste domingo, em Araraquara (SP). Mas o santista também sabe quem é o culpado pelo time não ter conquistado os três pontos: ele mesmo. "Não posso errar um gol como o que errei", disse em referência a uma chance que teve na etapa final da partida, que poderia ter decidido o jogo.  

O defensor santista avalia o resultado de empate como injusto, diante das inúmeras oportunidades de gol que o time da Vila Belmiro criou. "Acredito que no segundo tempo a gente mereceu a vitória. Acho que a gente perdeu dois pontos que seriam importantes para o campeonato. Criamos várias chances e poderíamos ter vencido o jogo", completou Edu Dracena. Com tantas chances desperdiçadas, coube ao zagueiro Gustavo Henrique marcar o único gol do Santos. "Eu vi que a bola estava vindo em mim, não consegui pegar, mas o gol aconteceu", comentou. "Graças a Deus tenho trabalhado bastante saída de bola, algo que eu precisava melhorar, mas tive a oportunidade e coragem para fazer tudo certo" destacou o jogador.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCEdu Dracena

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.