Leandro Martins
Leandro Martins

Edu Dracena rescinde com o Santos e deve ir para o Corinthians

Capitão nos últimos cinco anos acertou saída amigável por causa de problemas de relacionamento com Léo, agora na diretoria

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

15 de janeiro de 2015 | 16h19

Atualizado às 17h02

O zagueiro Edu Dracena assinou na manhã desta quinta-feira sua rescisão contratual com o Santos e deve ser contratado pelo Corinthians. A saída do capitão santista foi "amigável e de muito respeito", de acordo com uma nota oficial publicada no site do clube. 

Edu Dracena se reuniu com a diretoria na terça-feira, manifestou a intenção de não acionar Justiça por causa dos salários atrasados, mas manifestou seu desconforto com a presença do ex-jogador Léo na diretoria do clube. Nesta manhã, Dracena treinou separadamente e se despediu dos companheiros. "Foi uma decisão tomada em comum acordo com a nova diretoria. Tivemos uma conversa muito franca e os dois lados entenderam que era hora da despedida", escreveu o jogador em seu perfil nas redes sociais. A alternativa da diretoria será procurar o zagueiro Neto nos próximos dias para propor um novo contrato. Inicialmente fora dos planos de Enderson Moreira, o defensor nem se apresentou para os primeiros trabalhos neste início de ano. 

Apesar dos atrasos no pagamento de salários, Dracena afirma que não pensou em acionar a Justiça. "Gostaria de deixar claro que em nenhum momento pensei em entrar na Justiça contra o Santos. O clube sempre foi muito correto comigo nos momentos bons, como as diversas conquistas que tivemos, e nos momentos ruins, como nas cirurgias que precisei fazer. A instituição e a torcida não mereceriam uma atitude dessas da minha parte. Deixo claro que isso não é uma crítica aos companheiros que recorreram à Justiça. Cada um tem seus motivos e respeito profundamente suas motivações. Mas entendo que minha saída teria que ser pela porta da frente. Minha saída não tem relação com salários atrasados. É, realmente, o fim de um ciclo vencedor", escreveu o zagueiro. 



Abaixo, a íntegra da nota divulgada pelo Santos: 

A partir desta quinta-feira (15), o zagueiro Edu Dracena não pertence mais ao quadro de atletas profissionais do Santos Futebol Clube. Edu Dracena e a atual diretoria entraram em acordo esta manhã e o jogador assinou a rescisão de contrato. O acerto foi amigável e de muito respeito.

Edu Dracena chegou ao Santos em 2009. Foi capitão do time profissional nos últimos 5 anos. Realizou 230 partidas pelo Alvinegro, marcando 17 gols. Foram 6 títulos pelo Peixe: TriCampeão Paulista (2010/2011/2012), Copa do Brasil (2010), Copa Libertadores da América (2011) e Recopa Sulamericana (2012).

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSantos FCEdu Dracena

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.