Edu Dracena vê empate injusto e mira 2 vitórias seguidas

O zagueiro Edu Dracena afirmou que o empate por 1 a 1 diante do Grêmio, obtido na noite da última quarta-feira, em Porto Alegre, foi um resultado injusto para o Santos nesta 22.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O capitão santista acredita que a equipe merecia um triunfo depois de ter empatado a partida aos 39 minutos do segundo tempo, com um gol de Willian José, e quase virado o placar no finalzinho.

AE, Agência Estado

19 de setembro de 2013 | 09h24

"Até tomar o primeiro gol, o time estava jogando bem, tivemos chances de virar. O importante é a gente somar pontos. O time não se abateu quando tomou o gol, cresceu mais ainda, encurralou o Grêmio. No fim tivemos mais chances de fazer do que o Grêmio e até tomar o gol fomos muito superiores. O empate foi valioso, mas pelo contexto da partida o Santos merecia a vitória", analisou o jogador.

Em seguida, Edu Dracena enfatizou que o Santos precisar aproveitar o fato de que disputará duas partidas seguidas em casa. Primeiro pegará o Criciúma neste domingo, na Vila Belmiro, onde voltará a atuar na próxima quarta-feira, contra o lanterna Náutico, em jogo atrasado da 11.ª rodada do Brasileirão.

"O importante é somar pontos, vínhamos de duas derrotas e somar pontos aqui (na Arena Grêmio) sempre é difícil. Agora é pensar nos dois jogos em casa e somar seis pontos", projetou o atleta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.