Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Eduardo Baptista quer vitória para manter confiança do Palmeiras em alta

'É importante você se acostumar a vencer', afirma treinador

Nathalia Garcia, Estadao Conteudo

24 de março de 2017 | 18h02

A duas rodadas do fim da primeira fase do Campeonato Paulista, o Palmeiras só precisa de uma vitória para assegurar a melhor campanha e atingir um dos objetivos traçados pela comissão técnica. Com 24 pontos, o time alviverde está classificado às quartas de final na liderança do Grupo C e terá o direito de decidir em casa a vaga às semifinais. Apesar da vantagem, o treinador prega que é preciso manter a confiança em alta.

"A gente coloca sempre pequenos objetivos. O primeiro era classificar em primeiro do grupo, atingimos. O próximo é o primeiro lugar geral. O objetivo de cada dia é manter sequência de vitória, sempre ganhando. Se acostumar a vencer é importante", afirmou.

Adepto dos pontos corridos, Eduardo Baptista sabe que não tem espaço para vacilo no mata-mata e considera o regulamento do Campeonato Paulista injusto. "A gente pode colocar 10 pontos sobre o segundo colocado na nossa chave e, de repente, com dois empates (o time) decide a vaga nos pênalti. Eu sou fã da performance, dos pontos corridos. Aquele que tiver a melhor campanha é o campeão. Comercialmente, escolheram o mata-mata. Não basta fazer a primeira campanha e vacilar nos dois jogos. A gente precisa estar preparado para isso."

O Palmeiras espera manter a série positiva com uma vitória sobre o Audax neste sábado, às 16 horas, no Allianz Parque. E Baptista já traçou a estratégia para desbancar o adversário, de pior campanha no Campeonato Paulista. "Eles estão marcando mais atrás, esperando o erro do adversário para sair em velocidade. É um time que toca a bola, tem uma aproximação muito grande, você tem de ter essa leitura. A individualização é perigosa porque eles se movimentam demais. Tem de ter uma noção de espaço para poder neutralizá-los e usar o ponto fraco deles, que é essa perda de bola."

Neste sábado, o Palmeiras vai a campo com um time alternativo. O zagueiro Edu Dracena e o volante Felipe Melo ganharão descanso e não serão relacionados para a partida contra o Audax. Os substitutos serão Vitor Hugo e Thiago Santos, respectivamente. Outra mudança é a entrada do goleiro Jaílson no lugar de Fernando Prass, que havia sido titular em todos os jogos desta temporada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.