Egil Olsen volta a treinar a seleção da Noruega

O técnico Egil Olsen, responsável pelos melhores resultados obtidos pela seleção da Noruega na década passada, vai voltar a comandar a equipe, que não ganha um jogo sequer desde novembro de 2007. "Estou feliz por voltar à seleção, e espero poder contribuir pelo tempo que for necessário", disse o treinador, que está parado desde o começo do ano passado, quando foi demitido da seleção do Iraque por telefone, depois de apenas seis meses no cargo.Olsen comandou a seleção principal da Noruega de 1990 e 1998, levando a equipe a duas Copas do Mundo seguidas, 1994 e 1998, e obtendo resultados importantes, como duas vitórias sobre a seleção brasileiro - 4 a 2 num amistoso em Oslo, em 1997, e 2 a 1 no Mundial da França, no ano seguinte.Ele chega para ocupar o lugar deixado por Aage Hareide, que estava no posto desde janeiro de 2004 e pediu demissão em dezembro, depois de passar um ano sem vitórias - o time não ganha desde 21 de novembro de 2007, quando bateu Malta por 4 a 1 em sua despedida das Eliminatórias da Eurocopa, quando já não tinha chances de classificação. Em 2008, entre amistosos e as Eliminatórias da Copa de 2010, foram oito jogos, com quatro empates e quatro derrotas, seis gols marcados e 13 sofridos, e a lanterna no Grupo 9 das Eliminatórias, com 2 pontos.Olsen assume o cargo provisoriamente, e a princípio treinará a seleção apenas nos amistosos contra a Alemanha, no dia 11 de fevereiro, em Dusseldorf, África do Sul, no dia 28 de março, e Finlândia, em 1º de abril. "Mas temos a opção de estender o acordo se for necessário", admitiu o presidente da federação local, Sondre Kaafjord.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.