Eintracht Frankfurt bate lanterna e retoma terceira colocação no Alemão

Equipe ultrapassa o Borussia Dortmund, que havia vencido na rodada

Estadão Conteudo

05 Fevereiro 2017 | 16h46

Ameaçado na briga por uma vaga na fase de grupos da próxima Liga dos Campeões, o Eintracht Frankfurt não deu chance para o azar e bateu o Darmstadt por 2 a 0 em casa, neste domingo, em partida válida pela 19.ª rodada do Campeonato Alemão.

O time de Frankfurt entrou em campo para fechar a rodada do Alemão sabendo que havia sido ultrapassado na tabela por três equipes: Borussia Dortmund e Hoffenheim, com 34 pontos, e Hertha Berlin, com 33. E conseguiu o triunfo que o levou aos 35 pontos, na terceira posição. Já o Darmstadt segue no caminho do rebaixamento, pois é o lanterna, com nove pontos, sete abaixo do Werder Bremen, o último antes da zona da degola.

Na partida, os dois gols aconteceram no segundo tempo. Aos 29 minutos, o meia japonês Makoto Hasebe abriu o placar em cobrança de pênalti. Nos minutos finais, aos 38, Alezander Meier fez boa jogada na área e tocou para Ante Rebic dar números finais ao marcador.

Pela 20.ª rodada do Campeonato Alemão, no próximo sábado, o Darmstadt recebe o Borussia Dortmund, enquanto o Eintracht encara o Bayer Leverkusen fora de casa. Antes, porém, o time de Frankfurt visita o Hannover pela Copa da Alemanha, na quarta-feira.

WERDER BREMEN AFUNDA EM MÁ FASE

Ainda neste domingo, o Werder Bremen perdeu para o Augsburg por 3 a 2, fora de casa, e chegou ao quinto jogo sem vitória pelo Campeonato Alemão - contando os amistosos de inverno, o clube não sabe o que é vencer há oito partidas.

O Werder Bremen, campeão alemão em 2004, está ameaçado pela zona de rebaixamento, com os mesmos 16 pontos do Hamburgo, primeiro clube na degola, mas com desempenho melhor nos critérios de desempate. Já o Augsburg ocupa o décimo lugar, com 24 pontos.

No primeiro tempo, Theodor Gebre Selassie abriu o placar para o Werder, mas Jonathan Schmid empatou para o Augsburg. Já após o intervalo, Max Kruse recolocou os visitantes na frente, mas Ja-Cheol Koo e Raul Marcelo Bobadilla garantiram a virada e vitória para os donos da casa.

Mais conteúdo sobre:
Futebol Internacional futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.