Paulo Pinto/AE
Paulo Pinto/AE

Elenco do Internacional não assusta o Corinthians

Ronaldo diz que clube colorado não é 'nenhum bicho de sete cabeças' e que time alvinegro pode vencer

AE, Agencia Estado

16 de junho de 2009 | 17h43

Apontado por muitos como o melhor time do Brasil, o Internacional não assusta o Corinthians. A equipe comandada pelo técnico Mano Menezes parece confiar no seu retrospecto em 2009, quando venceu o Campeonato Paulista e chegou à final da Copa do Brasil sem enfrentar nenhuma grande tormenta.  

 

Veja também:

lista COPA DO BRASIL - Resultados e calendário

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Para levantar o título estadual, foram 23 jogos, com 13 vitórias e dez empates. A média também é boa na Copa do Brasil: quatro vitórias, três empates e uma derrota, no único momento dramático da equipe no torneio, quando chegou a estar perdendo por 3 a 0 do Atlético-PR no jogo de ida. E se no Campeonato Brasileiro a campanha não é boa - está em oitavo, com duas vitórias, dois empates e duas derrotas -, o time tem a desculpa de ter poupado jogadores em boa parte do torneio.

Contribui ainda para a confiança corintiana os desfalques do rival, que não contará com quase a metade do elenco no primeiro confronto, incluídos aí as estrelas Nilmar, D''Alessandro e Kléber - do lado do Parque São Jorge, apenas o lateral André Santos não deve jogar.

"Temos todas as condições de ganhar o título. Sem tirar o mérito do Internacional, que está jogando muito bem, sabemos que não é nenhum bicho de sete cabeças. Qualquer avaliação tem que ser sempre no final, com títulos e estatísticas", declarou Ronaldo. "Temos que jogar pra frente e aproveitar o fato de jogar com nossa torcida."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.