Daniel Teixeira/AE
Daniel Teixeira/AE

Elenco do São Paulo confia na força do Morumbi para vencer clássico

Jogadores contam com o apoio da torcida nas arquibancadas no confronto com o Corinthians

AE, Agência Estado

20 de setembro de 2011 | 18h26

Há duas semanas, o Morumbi era um dos principais vilões do São Paulo no Brasileirão. Dono da melhor campanha como visitante, o time tricolor sofria para conseguir bons resultados em casa. Mas as vitórias sobre Atlético-MG e Ceará devolveram a confiança à equipe, além de ter acalmado a torcida, que vinha vaiando o time no Morumbi. Assim, o fato de o clássico desta quarta-feira, contra o Corinthians, ser na casa tricolor é um motivador a mais para os jogadores são-paulinos.

"É sempre importante vencer no Morumbi. É a nossa casa. Vencemos os dois últimos jogos lá e temos de seguir com esta personalidade. O time não pode ter medo de ser vaiado. Quando se joga um futebol bonito, é aplaudido. Tenho certeza de que vamos fazer isso", comentou Rivaldo, um dos jogadores mais aclamados pela torcida.

De volta à equipe após cumprir suspensão na goleada sobre o Ceará, Dagoberto prevê um clássico acirrado, mas sabe que o São Paulo tem totais condições de deixar o Morumbi com mais um bom resultado. "São duas equipes fortes, mas dentro de casa temos de nos impor e buscar a vitória os 90 minutos. O time conquistou uma bela vitória no último jogo e agora temos de manter isso", disse o atacante.

Em caso de uma vitória, o São Paulo pode até assumir a liderança, desde que o Vasco tropece no Atlético-GO, no Rio. Independente do resultado do atual líder do Brasileirão, um triunfo tricolor no Morumbi é importante para que o São Paulo abra quatro pontos de vantagem sobre o Corinthians, um dos principais rivais pelo título. "É um clássico e sabemos da responsabilidade que é jogar contra o Corinthians. São duas equipes brigando pela ponta. Jogo difícil e complicado, mas temos condições de vencer. Temos de entrar 100% focados", comentou o Rhodolfo.

A vitória sobre o Corinthians é fundamental também para apagar os 5 a 0 levados no primeiro turno. Em relação àquele confronto, o São Paulo deve ter nove alterações na equipe titular, uma vez que Casemiro, Lucas, Rhodolfo e Juan desfalcaram o time na ocasião e Piris, João Filipe, Denilson e Cícero nem estavam no clube. Além deles, Wellington ganhou espaço e também deverá ser titular.

"Tenho certeza que por ser um jogo contra o Corinthians ,a gente vai entrar ainda mais focado. Ganhar por 1 a 0 já é uma bela vitória. Será um jogo muito difícil, um clássico gostoso de se jogar", completou o volante Casemiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.