Elias cobra empenho para evitar 'vergonha' no clássico

'Se não jogarmos futebol, vamos passar vergonha', pregou o volante sobre confronto diante do Santos

AE, Agencia Estado

26 de fevereiro de 2010 | 17h19

Herói do Corinthians na estreia na Copa Libertadores, o volante Elias está preocupado com o clássico de domingo, com o Santos, na Vila Belmiro. Para o jogador, o Corinthians precisará mostrar empenho para não passar vergonha diante do melhor time do Campeonato Paulista até o momento.

"Se não jogarmos futebol, vamos passar vergonha", pregou o volante. "Temos que jogar futebol, de igual para igual. Precisamos esquecer o Neymar e não pensar em bater. Isso não existe e toda equipe que tentou intimidar o Santos perdeu", afirmou.

VEJA TAMBÉM:
lista Pressão por título não afeta o clube

lista PAULISTÃO - Mais sobre a competição

PAULISTÃO - lista Tabela | tabela Classsificação

Elias reconheceu o bom momento do rival, mas minimizou o "futebol-arte" de Robinho, Neymar e Paulo Henrique Lima. "O torcedor gosta de arte, mas nem sempre isso ganha o título", ponderou.

Para o volante, o campeonato está aberto e todos os quatro grandes tem boas chances de chegar ao título. "O Palmeiras vai crescer com o Antônio Carlos, o São Paulo tem uma base boa e o Corinthians está forte, se entrosando e pegando confiança. Todas as equipes são iguais", declarou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.