Ag. Corinthians
Ag. Corinthians

Elias e Gil desabafam após vitória: 'temos vergonha na cara'

Jogadores do Corinthians se defendem por ausência na goleada para o Atlético-MG e comemoram resultado de 2 a 1 sobre o Inter

O Estado de S. Paulo

20 de outubro de 2014 | 10h30

Os jogadores do Corinthians Elias e Gil desabafaram após a vitória do time por 2 a 1 sobre o Inter, neste domingo, pelo Brasileirão. A dupla rebateu as críticas sofridas pela equipe pela goleada por 4 a 1 para o Atlético-MG, ao dizerem que não faltou comprometimento do grupo na partida que decretou a eliminação na Copa do Brasil.

"Não será essa derrota que vai apagar tudo o que fizemos até aqui. Vamos lutar. Hoje (este domingo) serviu para mostrar que temos vergonha na cara. Disseram muita besteira nessa semana, mostramos que merecemos respeito", disse o volante Elias. A vitória no Beira-Rio fez o Corinthians subir para a quinta posição e ter um ponto a menos que o Atlético-MG, o quarto colocado.

Elias ainda se defendeu de que teria feito "corpo mole" na quarta-feira, junto com o zagueiro Gil. A dupla chegou para o jogo no Mineirão em cima da hora depois de ter defendido a seleção brasileira um dia antes, em Cingapura. O volante ainda entrou no segundo tempo, enquanto o defensor ficou no banco de reservas. "Não tinha condições de entrar em campo. Tudo foi conversado e discutido com a comissão técnica. O torcedor age com a emoção. Quando parar para pensar, vai ver que fizeram sacanagem comigo e com o Gil. Não será isso que vai apagar tudo que já fizemos pelo Corinthians", disse.


O que motivou as críticas foi a presença naquele jogo do atacante Diego Tardelli, do Atlético-MG, que foi titular no Mineirão mesmo depois de ter jogado pela seleção. "Muitos que na quarta-feira passada criticaram sem saber quais as minhas condições de jogo hoje estão felizes. Sempre honramos o clube e provamos ser homens de caráter", escreveu Gil em sua conta em uma rede social. O zagueiro marcou o segundo gol da vitória sobre o Inter.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.