Divulgação
Divulgação

Elias pede paciência com início de Mano no Flamengo

Volante sabe que Mano precisará de tempo para impor seu estilo no clube carioca

AE, Agência Estado

20 de junho de 2013 | 17h37

RIO - A contratação de Mano Menezes como novo técnico do Flamengo agradou o volante Elias. O jogador voltará a trabalhar com o treinador depois de tê-lo como comandante por mais de dois anos, entre 2008 e 2010, no Corinthians. Mas o próprio Elias sabe que Mano precisará de tempo para impor seu estilo no clube carioca e, por isso, pediu paciência à torcida.

"Ele demorou um ano para encontrar uma forma ideal para o time do Corinthians. Mano chegou ao clube em 2008, trabalhava diariamente e, só em 2009, conquistou o Paulista e a Copa do Brasil. É necessário tempo para implantar uma filosofia. Temos que trabalhar duro para atingir o patamar do Corinthians de 2009", declarou.

Elias não escondeu a admiração pelo treinador e celebrou a oportunidade de trabalhar novamente com aquele que classificou como "pai". "Ele é pai, mas não fica passando só a mão na cabeça. Cobra também e é duro como já foi comigo várias vezes quando foi preciso", comentou.

O jogador ainda comentou sobre a nova formação testada por Mano Menezes nesta quinta-feira. O treinador armou o Flamengo no 4-3-3, como atuava o Corinthians citado por Elias, mas manteve alguns jogadores tidos como chave, que já vinham atuando com Dorival Júnior e Jorginho.

"Todos que chegaram entraram na filosofia vencedora do Flamengo. Então, atletas como eu, Felipe, Léo Moura e González devem trabalhar para que mantenham seus lugares no time titular. Procuramos ser a base para que o Mano Menezes possa escalar outros jogadores e não pese muito para eles", disse Elias.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengoEliasMano Menezes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.