Eliminação do Vasco preocupa Flamengo

A precoce eliminação do Vasco na Copa do Brasil deixou o técnico do Flamengo, Abel Braga, em estado de alerta. O fato de o time vascaíno ter sido derrotado para o XV de Novembro-RS, por 3 a 0, em São Januário, às vésperas da decisão do Campeonato Estadual, não animou o treinador Rubro-Negro. "Isso não muda em nada, mas para o Vasco muda. O resultado não foi interessante para nós, até porque eles vão ser mais fortes. E eu conheço muito bem o técnico Geninho. Nessas horas, ele vai atuar como um pai para os jogadores", disse Abel Braga. A preocupação do técnico e dos dirigentes do Flamengo não se restringem ao time adversário. Os salários atrasados também incomodam o presidente do clube, Márcio Braga. Precavido, ele e o diretor-técnico, Júnior, se reuniram nesta quinta-feira à tarde com os jogadores, antes do início do treino, para evitar insatisfação no elenco. "É claro que estamos vivendo um momento difícil. A crise é muito grave. Estou aqui para passar tranqüilidade aos jogadores, e para dizer que iremos sair dessa crise", disse o presidente. No treino desta quinta-feira, o meia Zinho foi poupado, mas, segundo os médicos do clube, deve jogar. O caso do atacante Jean é mais grave. Ao dominar uma bola, durante o coletivo, ele sentiu dores na coxa direita, e saiu de campo visivelmente abatido. "Está doendo quando eu piso, mas quero jogar."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.