Em alta, Atlético-MG bate Brasiliense

Beneficiado pelas ausências de Iranildo, Marcelinho Carioca e Oséas, o Atlético-MG derrotou o Brasiliense por 2 a 1, na tarde desta quarta-feira, na casa do adversário, e deu mais um passo em sua luta contra o rebaixamento. Com a vitória de hoje, o Atlético chega a 25 pontos ganhos e amplia para quatro jogos a série sem derrotas no campeonato. Agora, na próxima rodada que começa no sábado, o Brasilienseenfrenta o Fluminense, em Volta Redonda-RJ . Já o Atlético-MG recebeo Botafogo, domingo em Ipatinga-MG. O Brasiliense começou melhor. Foi para cima do Atlético e chegou a criar boas chances para marcar: Alex Oliveira quase marca aos 2 minutos e Pituca acerta a trave direita de goleiro atleticano Bruno, aos 17 minutos. Mas o Atlético respondeu. Rubens Cardoso levou perigo aos 13 minutos; Marques, aos 18 minutos, e dois minutos depois, no bom lance com George Lucas, que chutou no ângulo mas o goleiro Eduardo mandou para fora. O primeiro gol saiu logo no início da segunda etapa. Aos 3 minutos, Catanha recebeu um belo lançamento de Marques e, de cabeça, abriu a contagem. Aos 28, Marques fez 2 a 0 com um golaço: Rubens Cardoso cruzou na medida, na cabeça de Catanha, que serviu a Marques que achou espaço para bater de bicicleta e marcar. O Jacaré ainda tentou o empate com Tiano, aos 10 e aos 16 minutoscobrando escanteio e uma falta. Descontou para 2 a 1 aos 31 minutos nogol contra de Leandro Castan, que se atrapalhou ao tentar tirar a bolada área. Além de lamentar a derrota, o técnico Joel Santana ainda teve de amargar mais uma contusão. Alex Oliveira deixou o campo contundido e deve desfalcar a equipe nas próximas rodadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.