Em alta, Love bate bola com Putin

O atacante brasileiro Vagner Love, do CSKA, está mesmo em alta na Rússia, após a conquista da Copa da Uefa - um título até então inédito no país. O atacante e seu companheiros de clube foram recebidos neste sábado pelo presidente russo, Vladimir Putin. Love - que está sendo pretendido pelo Corinthians e pelo Porto, de Portugal, chegou a bater bola com Putin.O presidente parabenizou o técnico do CSKA, Valery Gazzáyev, pela conquista. "Pela primeira vez na história do futebol nacional, uma equipe ganhou um torneio tão prestigioso como é a Copa da Uefa?, disseo chefe de Estado russo. Na opinião dele, o "triunfo do CSKA foi umpresente para os milhões de torcedores e para toda a Rússia". "Estou convencido de que este título servirá de um importanteestímulo para o desenvolvimento do futebol e dos esportes em geralem nosso país", acrescentou Putin. Na quinta-feira, o presidente da Duma - a câmara baixa do Parlamentorusso - Boris Grizlov, inaugurou a sessão plenária com palavras defelicitação ao CSKA em nome dos 450 deputados. "Para nós é muito bom felicitar nossos jogadores por esteextraordinário êxito", disse Grizlov, que propôscelebrar em 18 de maio (dia da final) na Rússia o "Dia do futebol nacional".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.