Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Em alta, Palmeiras completa dois meses sem perder como visitante

Equipe se mantém estável fora de casa e constrói sequência invicta longe dos seus domínios

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

25 de setembro de 2018 | 11h00

O Palmeiras atingiu nesta terça-feira uma marca rara no futebol brasileiro. A equipe do técnico Luiz Felipe Scolari completou dois meses sem perder um jogo sequer como visitante. Entre compromissos pela Copa do Brasil, Copa Libertadores e Campeonato Brasileiro, a equipe não foi superada uma vez sequer desde 25 de julho, quando perdeu por 1 a 0 para o Fluminense.

O resultado negativo pelo Brasileiro decretou a demissão do técnico Roger Machado e a troca de comando. Desde então o Palmeiras fez 17 partidas e sofreu apenas duas derrotas. Ambas foram em casa: 1 a 0 para o Cerro Porteño, pela Libertadores, 1 a 0 para o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, resultado que tentará reverter nesta quarta-feira para ir à decisão da Copa do Brasil.

Fora de casa o time fez desde então nove partidas, com cinco vitórias e quatro empates. A campanha positiva longe dos seus domínios contemplou, por exemplo, vitórias expressivas na Libertadores sobre o Cerro Porteño, no Paraguai, e diante do Colo-Colo, no Chile. O triunfo mais recente veio no domingo, ao bater o Sport no Recife e chegar à vice-liderança do Brasileiro.

O segredo para a boa campanha está na defesa. Foram somente dois gols sofridos como visitante desde a chegada de Felipão. Desde a vinda do treinador, o clube chegou a permanecer nove partidas seguidas com a defesa invicta, a maior série registrada desde 1987.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.