Daniela Porcelli/CBF
Daniela Porcelli/CBF

Em ano com poucos jogos, seleção feminina fecha 2020 em 8º no ranking da Fifa

Equipe da Pia Sundhage entrou em campo em apenas cinco oportunidades, todas em partidas amistosas

Redação, Estadão Conteúdo

18 de dezembro de 2020 | 09h12

Em um ano com poucas partidas disputadas por conta da pandemia do novo coronavírus, que paralisou o futebol por cerca de três meses e provocou o adiamento ou o cancelamento de inúmeras competições, a seleção brasileira feminina fechou 2020 na oitava colocação do ranking da Fifa, que teve a sua última atualização divulgada nesta sexta-feira.

Com 1.958 pontos, o time comandado pela técnica sueca Pia Sundhage está empatado com o Canadá no oitavo lugar. Em relação ao último ranking de 2019, o Brasil ganhou uma colocação. Neste ano, a seleção feminina entrou em campo em apenas cinco oportunidades, todas em partidas amistosas. Foram duas vitórias, dois empates e uma derrota.

O ano começou em março com a disputa do Torneio Internacional da França. O Brasil estreou com um empate sem gols contra a Holanda, perdeu na sequência por 1 a 0 para as donas da casa e ficou na igualdade por 2 a 2 contra o Canadá na despedida da competição amistosa. Com a pandemia, o time só voltou a campo no final de novembro e início de dezembro para dois amistosos contra o Equador, em São Paulo. Foram goleadas por 6 a 0, na Neo Química Arena, e 8 a 0, no estádio do Morumbi.

A liderança do ranking da Fifa continua com os Estados Unidos, atuais campeões do mundo, com 2.192 pontos. Agora são mais de 100 pontos a mais que a Alemanha, a vice com 2.091. Na sequência aparecem França, Holanda, Suécia, Inglaterra e Austrália na frente do Brasil. O Japão ganhou uma posição e completa a lista dos 10 primeiros colocados.

Confira o ranking feminino da Fifa:

  • 1.º - Estados Unidos - 2.192 pontos
  • 2.º - Alemanha - 2.091
  • 3.º - França - 2.032
  • 4.º - Holanda - 2.023
  • 5.º - Suécia - 2.009
  • 6.º - Inglaterra - 1.999
  • 7.º - Austrália - 1.963
  • 8.º - Brasil - 1.958
  • 9.º - Canadá - 1.958
  • 10.º - Japão - 1.937
  • 11.º - Noruega - 1.932
  • 12.º - Espanha - 1.919
  • 13.º - Itália - 1.877
  • 14.º - Dinamarca - 1.868
  • 15.º - China - 1.867
  • 16.º - Islândia - 1.826
  • 17.º - Bélgica - 1.825
  • 18.º - Coreia do Sul - 1.818
  • 19.º - Suíça - 1.808
  • 20.º - Áustria - 1.796

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.