Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians
Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians

Em briga na Justiça com o Corinthians, Carlinhos entra na mira de clube francês

Atacante pode ser negociado ao final da temporada

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

04 Outubro 2017 | 07h00

Um dos destaques da base do Corinthians, o atacante Carlinhos pode ser negociado no fim do ano. O jogador tem sido sondado por um clube francês e uma oferta oficial deve ser formalizada ao final da temporada. Ao mesmo tempo em que o pai do atleta, Carlos de Lima, entra na Justiça contra o time alvinegro, por falta de pagamento da transferência do atleta. 

+ Reforçado por profissionais, Sub-20 do Corinthians enfrenta o La Coruña

O Estado apurou que representantes do jogador receberam sondagens de um clube francês e ouviram que uma oferta deve ser apresentada ao Corinthians em breve. O jogador, que fez apenas uma partida sob o comando de Fábio Carille, tem contrato até dezembro de 2020 e o time alvinegro é dono de 50% de seus direitos econômicos, mas pagou apenas uma parte. 

A diretoria do Corinthians já disse algumas vezes que não iria negociar nenhum dos principais atletas neste ano, entretanto afirma que pode perder atletas ao final da temporada, mesmo tendo que montar o time visando a Libertadores. A perda de jogadores, inclusive, está nos planos dos dirigentes e é algo levado em consideração na busca por reforços. 

Quanto a Carlinhos, ele começou no Novorizontino e foi contratado, ainda para a base, pelo Corinthians em 2014 por R$ 500 mil. Entretanto, o pai do atleta e empresários alegam que o clube pagou apenas R$ 200 mil e ainda teria uma dívida, contando juros, de R$ 336.418,90. 

+ Podcast Corinthians: Carille cheio de problemas para escalar o time

Pelo acordo firmado em 2014, o Corinthians deveria pagar R$ 100 mil de entrada e mais oito parcelas de R$ 50 mil, que seriam finalizadas em junho deste ano. Mas foram pagos apenas a entrada e mais duas parcelas. 

Atualmente, o atacante faz parte do time principal de Fábio Carille, mas foi "rebaixado" para o time sub-20 que está na Espanha para a realização de dois amistosos. A tendência é que no final de semana ele esteja de volta ao Brasil e retorne aos treinamentos com os profissionais. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.