Mailson Santana / Fluminense FC
Mailson Santana / Fluminense FC

Em busca de redenção no Brasileirão, Fluminense visita América-MG com titulares

Em queda no Nacional e a três pontos da zona de rebaixamento, time carioca vai atrás da reação em Belo Horizonte

Redação, Estadao Conteudo

08 de agosto de 2021 | 06h46

O Fluminense vem de duas vitórias seguidas, avançando na Copa do Brasil e na Copa Libertadores. Mas, no Brasileirão, a história é bem diferente e os últimos resultados foram ruins: derrotas para Grêmio e Palmeiras. Com a queda na tabela, o time busca a redenção na competição e o técnico Roger Machado vai apostar em seus titulares diante do América-MG, às 16 horas, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

Diante de um rival na zona de rebaixamento, Roger vê o cenário ideal para dar a volta por cima na competição e tentar voltar à primeira parte da tabela. A ideia é sempre estar próximo da zona de classificação à Libertadores caso não consiga triunfar na atual edição ou pela Copa do Brasil, caminhos mais curtos para a vaga.

"O jogo com o América será muito difícil. Porém, é a oportunidade de reagirmos no campeonato", afirma o lateral-direito Samuel Xavier. "Procuramos evolução sempre. Se dissermos que estamos satisfeitos, estamos no caminho errado. Temos que ter fome de querer mais, de conquistar mais, de evoluir mais. Isso torna uma equipe vencedora, campeã."

Apesar de defender a temporada do Fluminense, nas quartas de Copa do Brasil e da Libertadores, Samuel Xavier reconhece que a equipe carioca está em dívida com a torcida no Brasileirão. Desta maneira, não admite um tropeço neste domingo. O espírito é de confiança em resgate às vitórias na competição.

"Estamos em três competições e temos que ter muita sabedoria em cada jogo", advertiu. "Os resultados dentro do Brasileirão, no qual estamos buscando as vitórias, não são os que queremos. Mas temos um elenco bom e capacitado para dar conta dessas três competições. Neste domingo temos de buscar esses três pontos para recuperar o mais rápido possível."

Depois de dois jogos sem levar gols, mais uma vez a força da defesa será vital para a soma de um bom resultado. Roger acredita que bem protegido atrás, o ataque conseguirá definir na frente. Fred marcou no último jogo, Luiz Henrique e Gabriel Teixeira, no anterior. Aliviados com o "desencanto", os atacantes agora esperam embalar.

AMÉRICA-MG - Mesmo sem vencer há cinco rodadas, o técnico Vagner Mancini não deve promover mudanças. "O importante é mantermos a consistência, tanto dentro como fora de casa. Estamos numa competição difícil, então é preciso tomar cuidado com os detalhes", comentou Mancini, que na sexta-feira priorizou o trabalho tático.

Mancini já aprovou a movimentação na última rodada, quando os americanos empataram com o Atlético-GO por 1 a 1, em jogo disputado em Goiânia (GO). Mas quer muita atenção, principalmente na marcação. Vencer este jogo será um primeiro passo para buscar a estabilidade e depois brigar para escapar da zona de rebaixamento. No momento, o América-MG tem 11 pontos e está em 18.º lugar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.