PontePress/ÁlvaroJr
PontePress/ÁlvaroJr

Em Campinas, Ponte Preta supera Oeste e volta ao G-4 da Série B

Vitória por 3 a 2 levou o time da casa aos 18 pontos, saltando para a vice-liderança, atrás apenas do Bragantino

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de julho de 2019 | 23h41

Em jogo bem movimentado, a Ponte Preta bateu o Oeste por 3 a 2, nesta sexta-feira, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, e voltou a figurar no G-4, a zona de acesso.

A vitória levou o time da casa aos 18 pontos, saltando para a vice-liderança, atrás apenas do Bragantino, que tem um ponto a mais e ainda joga na rodada. O Oeste, com 11 pontos, ocupa a 13.ª colocação e se preocupa com a proximidade da zona do rebaixamento. O primeiro time dentro do grupo da degola é o Operário-PR, que ainda não atuou nesta jornada e tem quatro pontos a menos.

A Ponte já largou em vantagem logo no primeiro ataque que construiu. Aos três minutos, Camilo arriscou de fora da área e a bola foi no meio do gol, mas o goleiro Glauco acabou aceitando. Dois minutos mais tarde, Matheus Vargas dobrou a vantagem dos mandantes. Arnaldo fez bela jogada pela direita e rolou para o meia, livre na marca do pênalti, completar de chapa para o gol.

No entanto, o Oeste respondeu ainda no primeiro tempo. Aos 26 minutos, Elvis cobrou falta com muita categoria e marcou um golaço acertando o ângulo esquerdo de Ivan para descontar.

O time visitante passou a crescer na partida e seguiu buscando o empate, mas Roger, pegando rebote do goleiro, marcou o terceiro gol da Ponte, aos 46 minutos, garantindo boa vantagem antes do intervalo.

Aos 14 minutos da etapa final, o Oeste voltou a reagir. Mazinho cobrou falta para a área e o zagueiro Cléber Reis, com passagens por Corinthians, Santos e pela própria Ponte Preta, completou de cabeça para marcar seu primeiro gol pelo clube de Barueri, logo na sua estreia.

A reação do Oeste, no entanto, parou por aí. O time visitante tentou pressionar para chegar ao terceiro gol, mas esbarrou na defesa bem postada da Ponte Preta. Experiente, a equipe da casa soube valorizar a posse de bola para garantir a importante vitória por 3 a 2.

A Ponte Preta volta a campo na próxima terça-feira, quando receberá o Atlético-GO pela décima rodada da Série B, em mais uma partida no Moisés Lucarelli. Em 20 de julho, o Oeste jogará contra o Bragantino no estádio José Liberatti, em Osasco.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 3 X 2 OESTE

PONTE PRETA - Ivan; Arnaldo, Renan Fonseca, Airton e Abner; Edson, Camilo (Mantuan), Marquinhos (Dadá), Matheus Vargas (Washington) e Gerson Magrão; Roger. Técnico: Jorginho.

OESTE - Glauco; Cicinho, Cléber Reis, Caetano e Alyson; Lídio (Thiaguinho), Betinho, Elvis e Mazinho; Roberto (Matheus Oliveira) e Bruno Gonçalves (Bruno Paraíba). Técnico: Renan Freitas.

GOLS - Camilo, aos 3, Matheus Vargas, aos 5, Elvis, aos 26, e Roger, aos 46 minutos do primeiro tempo; Cléber Reis, aos 14 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rafael Traci (SC).

CARTÕES AMARELOS - Edson (Ponte Preta); Alyson, Betinho, Bruno Paraíba e Elvis (Oeste).

RENDA - R$ 42.030,00.

PÚBLICO - 4.322 pagantes (4.679 total).

​LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.