Em casa, Barueri fica no empate sem gols com Criciúma

Barueri e Criciúma não passaram de um empate sem gols neste sábado, na Grande São Paulo, pela 18.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O resultado não foi bom para nenhuma das duas equipes, que não conseguiram alcançar os seus objetivos. O time catarinense queria se aproximar do G-4, o grupo de acesso, enquanto que os donos da casa seguem rondando a zona de rebaixamento.

AE, Agência Estado

20 de agosto de 2011 | 18h41

O Criciúma começou a rodada na quinta colocação, colado no G-4, e caiu duas posições, ficando em sétimo lugar com 27 pontos. Já o Barueri ocupa a 15.ª colocação, com 23 pontos, três acima do Guarani, o primeiro time dentro da zona da degola.

O primeiro tempo foi dominado pelo visitante. Apesar de atuar em casa, o Barueri jogava recuado e dava espaços ao time catarinense, que no entanto parou no goleiro Juninho e não conseguiu marcar. Na segunda etapa, os donos da casa deixaram o jogo equilibrado, mas as duas equipes criaram poucas chances de gol.

Na próxima rodada da Série B, a 19.ª, o Barueri vai até Paulista (PE) para enfrentar o Salgueiro, no próximo sábado, às 16 horas. Já o Criciúma enfrenta o São Caetano na próxima sexta-feira, às 20h30, em Criciúma.

Ficha técnica

Barueri 0 x 0 Criciúma

Barueri - Juninho; Daniel Marques, Diego Giaretta e Edson Borges; Marcos Pimentel, Anselmo (Alex Maranhão), Alê, Marcelinho e Zé Carlos; Val Baiano (Danilo Sacramento) e Pedrão (Gil). Técnico: Estevam Soares.

Criciúma - Andrey; Fábio Santana, Rogélio, Toninho e Pirão; Henik, Baraka, Jackson (Massari) e Aloísio (Schwenck); Adeílson e Zé Carlos (Bryan). Técnico: Mauro Fernandes.

Cartões amarelos - Val Baiano, Alex Maranhão e Danilo Sacramento (Barueri).

Cartões vermelhos - Diego Giaretta (Barueri); Pirão (Criciúma).

Árbitro - Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ).

Renda e público - Não disponíveis.

Local - Arena Barueri, em Barueri (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.