Em casa, Coritiba tenta a reação contra o São Paulo

Sob forte pressão da torcida e também da diretoria por causa da sequência de cinco jogos sem vitórias e do mau futebol, o Coritiba entra em campo neste domingo, às 16 horas, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, para enfrentar o São Paulo, que está na zona de rebaixamento, em uma partida encarada como final de campeonato. O jogo faz parte da 19.ª rodada e encerra o primeiro turno do Brasileirão.

JÚLIO CÉSAR LIMA, Agência Estado

08 de setembro de 2013 | 07h04

O técnico Marquinhos Santos deverá fazer novas alterações em relação à equipe que perdeu para o Botafogo por 3 a 1, na última quinta-feira, no Rio de Janeiro, sendo a principal delas a entrada do meia Robinho, que estava lesionado. O volante Gil cumpre suspensão automática e Wellington deve ganhar a posição diante do clube tricolor paulista.

Para o zagueiro Chico, a equipe deve entrar com um espírito bem forte e deixar a má fase para trás. "A gente sabe que será difícil, mas vamos ter que vencer de qualquer jeito. Não tivemos tempo para treinar e temos que ir para cima do São Paulo, ganhar de novo e precisamos de todos para ir e nos incentivar", disse.

Chico acredita na reação da equipe a partir desta partida. "Nosso pensamento é brigar pelo G4. Com três vitórias podemos subir na tabela. Não estamos em uma fase boa, mas podemos retomar. São jogos que não vencemos, mas estamos entre os oito", concluiu.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCoritiba

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.