Em casa, Inter enfrenta o Figueirense para manter a vice-liderança

Equipe gaúcha entra na penúltima rodada do primeiro turno com 34 pontos e perseguido por São Paulo, Corinthians e Fluminense

Lucas Azevedo e Rafael Thomé, Estadão Conteúdo

07 Setembro 2014 | 08h05

Depois da eliminação na Copa Sul-Americana, com o empate de quinta-feira em Salvador diante do Bahia, o Internacional volta suas atenções novamente para o Brasileirão. Neste domingo, 7, o time recebe o Figueirense, a partir das 18h30, no Beira-Rio, em Porto Alegre, lutando para manter a vice-liderança do campeonato.

O Inter entra na penúltima rodada do primeiro turno com 34 pontos, perseguido de perto por clubes como São Paulo, Corinthians e Fluminense. Além de defender a segunda colocação, o time gaúcho tenta se aproximar do líder Cruzeiro, que está tranquilo na ponta, já com 42 pontos somados.

Para ajudar, o técnico Abel Braga deve contar com o retorno do meia argentino D'Alessandro e do meia-atacante Jorge Henrique, ambos recuperados das dores musculares que impediram participação no jogo de quinta-feira em Salvador. Os dois entram no time, formando o meio com Willians, Wellington e Alex.

Pelo Figueirense, este é o melhor momento da equipe no Brasileirão. Invicto há seis jogos - período em que venceu quatro vezes e empatou outras duas -, o clube catarinense busca manter a boa fase diante do Internacional.

A conquista de 14 dos últimos 18 pontos disputados tirou o Figueirense da zona de rebaixamento e aumentou a confiança do grupo. Assim, mesmo tendo alguns importantes desfalques, a expectativa do clube catarinense é de conseguir um bom resultado neste domingo no Beira-Rio.

O técnico Argel Fucks não poderá contar com os volantes Rivaldo, com dores na panturrilha, e Dener, que sentiu uma fisgada na coxa direita. Ele deve escalar Paulo Roberto e Nem como substitutos no meio, mantendo o esquema tático que vem dando certo nas últimas rodadas.

"Podem ter certeza que já estou pensando em outra maneira de armar uma equipe forte para enfrentar de igual para igual o Inter", avisou o técnico do Figueirense.

Mais conteúdo sobre:
futebol Brasileirão Inter

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.