Rubens Chiri/Divulgação
Rubens Chiri/Divulgação

Em Chapecó, São Paulo tenta se tornar líder do Campeonato Brasileiro

Osorio esconde escalação para buscar vitória fora de casa

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

13 de junho de 2015 | 07h00

O início cambaleante do São Paulo na temporada começa a ficar esquecido e o time tem a chance de neste sábado, às 16h30, contra a Chapecoense, chegar à liderança do Campeonato Brasileiro. Será o primeiro jogo do técnico Juan Carlos Osorio como visitante, oportunidade para provar que é capaz de consertar o grande ponto fraco da equipe.

Melhor mandante do País em 2015, com 94% de aproveitamento no Morumbi, o São Paulo tem fracassado fora de casa, onde ganhou somente 35% dos pontos. Para reverter essa tendência, o colombiano disse ter treinado durante a semana uma forma de neutralizar o apoio dos laterais da Chapecoense.

"Eles jogam com vários lançamentos diretos da defesa e têm muita força com os dois laterais, o Apodi e o Dener", contou Osorio.

Durante a semana o técnico trabalhou bastante as jogadas com pontas e deve utilizar jogadores nessa função para evitar o apoio dos adversários. A tendência é o São Paulo ter até mesmo o lateral Carlinhos como meia-esquerda para bloquear os avanços dos laterais.

O meia Ganso, com dores musculares, não joga e Michel Bastos deve ocupar a função. O volante Denilson e o meia Centurión estão com problemas pessoais e também não viajaram para Santa Catarina.

Se ganhar em Chapecó, a equipe passa o Atlético-PR e fica na primeira posição na torcida para que o adversário direto tropece amanhã contra o Grêmio. Uma vitória também traria tranquilidade em meio a dias conturbados. A semana teve a saída de Rodrigo Caio, proposta por Denilson e a entrada de Pato na Justiça para rescindir o contrato com o Corinthians.

Na Chapecoense, o técnico Vinícius Eutrópio mudou apenas um jogador. O zagueiro Vilson, suspenso, dá lugar a Neto.

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE X SÃO PAULO

CHAPECOENSE: Danilo; Apodi, Rafael Lima, Neto e Dener; Elicarlos, Gil, Bruno Silva e Wagner; Ananias e Edmilson. Técnico: Vinícius Eutrópio.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Dória e Reinaldo; Hudson, Souza, Jonathan Cafu, Michel Bastos e Carlinhos; Luis Fabiano. Técnico: Juan Carlos Osorio.

Juiz: Wilton Pereira Sampaio (GO)

Local: Arena Condá, em Chapecó

Horário: 16h30

Transmissão: Globo e Band 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.