Em clima de decisão, Corinthians embarca para o Chile

O Corinthians embarcou na manhã desta terça-feira para o Chile, onde enfrentará, na quinta, o Universidad Católica pela Copa Libertadores. O único incidente registrado aconteceu com os jogadores Nilmar, Roger, Renato e Rafael Moura. Eles se atrasaram e quase perderam o vôo.O técnico Ademar Braga tem algumas dúvidas para definir a equipe que enfrentará os chilenos. Marcelo e Johnny Herrera disputam a posição de titular no gol, enquanto Carlos Alberto e Roger brigam por uma vaga no meio de campo.Para o meia Ricardinho, a equipe tem que encarar a partida contra os chilenos como uma final de campeonato. "Não importa quem o Ademar vai escalar. Estamos sempre na busca por títulos e o jogo contra o Católica é uma decisão. A Libertadores é uma competição difícil, pois todas as equipes se preparam de forma especial para ela", contou o jogador.O Corinthians é o segundo colocado do Grupo 4 com 7 pontos. O líder é o Católica, com 10. Se perder, o time de Parque São Jorge terá que torcer para que o Tigres seja derrotado pelo Deportivo Cali. Assim, o clube continuaria dependendo só de si para se classificar.Ainda nesta terça, o Corinthians deve realizar o seu primeiro treino no Chile. O confronto contra o Universidad Católica acontecerá na próxima quinta, às 22h30, no Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago. O zagueiro Rodrigo, novo reforço do clube, ainda não tem data marcada para se apresentar no clube.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.