Nilton Fukuda|Estadão
Nilton Fukuda|Estadão

Em confronto direto no Paraguai, Corinthians se satisfaz com empate

Cerro Porteño é o segundo colocado da chave, dois pontos atrás

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

09 de março de 2016 | 07h00

O técnico Tite encara a partida contra o Cerro Porteño, nesta quarta-feira, às 19h30, como um confronto direto por uma das vagas do Grupo 8. O Corinthians lidera a chave com seis pontos, dois a mais que os paraguaios, que ocupam a segunda posição. Para o treinador, o exemplo de atuação é o segundo tempo da derrota contra o Santos.

“Temos que jogar bem, igual ao segundo tempo contra o Santos. Manter o padrão. Quando oscilar, não oscilar muito. Isso vai dando confiança. Antes é jogar bem. Depois, o resultado. Este jogo pode ser até considerado um confronto direto”, afirmou o treinador após o treinamento desta terça-feira no Paraguai. “Vencer os dois primeiros jogos nos deixa numa boa condição. Mas é só um início bom. Tem de se confirmar”, completou o treinador.

Os jogadores foram ainda mais diretos que o treinador e afirmaram que consideram um bom resultado um empate fora de casa. “O mais importante é não perder. O empate, sem dúvida, é muito bem visto”, diz Giovanni Augusto. O meia Rodriguinho já pensa lá na frente. “Somar pontos fora encaminha a classificação”.

Rodriguinho e Giovanni Augusto voltam ao time depois de terem sido poupados na derrota contra o Santos. Também voltarão Felipe, Guilherme e André, que terá uma nova chance como centroavante.

Tite vai retomar o esquema de 2015 para tornar o time mais criativo. Contra o Santos, ele escalou dois volantes, mas reconheceu sua parcela de culpa na fraca atuação do time. Na zaga, Felipe e Yago serão os titulares, mas o paraguaio Balbuena surge como alternativa depois de se destacar nos treinamentos.

FICHA TÉCNICA

Cerro Porteño: Silva; Bonet, Mareco, Valdez e Junior Alonso; Oviedo, Jorge Rojas, Rodrigo Rojas e Estigarribia; Beltrán e Leal. Técnico: César Farías

Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Rodriguinho, Guilherme e Lucca; André. Técnico: Tite

Juiz: Diego Haro (Peru)

Local: Defensores del Chaco

Horário: 19h30

Transmissão: FOX Sports

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.