Em crise, Borussia pede empréstimo

Em grave crise financeira, o Borussia Dortmund vai pedir empréstimo de 126 milhões de euros (aproximadamente US$ 157 milhões) ao Stephen Lloyd Schechter, banco de investimentos de capitais londrino, informa em sua publicação desta terça-feira o diário alemão Ruhr Nachrichten. ?Os responsáveis pelo empréstimo estão muito dispostos?, disse o porta-voz de Florian Homm, um dos maiores acionistas do clube alemão, que sinalizou com a possibilidade do dinheiro chegar ao caixa do time dos brasileiros Dedé, Evanílson e Ewerthon ainda em 2004.Homm, que possui oficialmente 25% das ações do clube, calcula que com a ajuda financeira, a ação do Borussia na bolsa de valores pode aumentar de cinco para sete euros num prazo de 36 meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.