Em crise, Paulista enfrenta Marília em Jundiaí

O time da casa ainda não pontuou em 3 jogos e, após derrota para o Corinthians ficou em penúltimo

26 de janeiro de 2008 | 13h55

Em busca dos seus primeiros pontos para evitar o agravamento de sua crise, o Paulista recebe o Marília neste domingo, às 11 horas, no Estádio Jayme Cintra, em Jundiaí, pela quarta rodada do Paulistão. O time da casa ainda não pontuou em três jogos e, após a derrota para o Corinthians, por 2 a 0, ficou na penúltima colo PaulistaAdinam; Devas, Dema e Diego Padilha; Marco Aurélio, Tiago Fraga, Réver, Ricardinho e Bruno Ribeiro; Marcelo Toscano e Neto BaianoTécnico: Marcus ViníciusMaríliaMauro; Júlio César, Gum, Vinicius e Romeu; João Marcos, Geandro, Rafael Fefo e Camilo; Alison e Wellington SilvaTécnico: Jorge RauliÁrbitro: Rodrigo BraghettoEstádio: Jayme CintraHorário: 11 horasTV: Pay-Per-Viewcação. O visitante caiu em casa na última rodada diante do Palmeiras, por 1 a 0, que o derrubou da primeira para a quarta colocação, com seis pontos. Com o cargo em risco, o técnico Marcus Vinicius mexeu no Paulista. Ele voltou a escalar dois atacantes de ofício na frente. Assim, o meia Rodrigo Fabri vai para o banco e Marcelo Toscano faz dupla com Neto Baiano. Além disso, o lateral-esquerdo Fábio Vidal vai para o banco, para entrada de Bruno Ribeiro. No Marília, o suspenso volante João Vítor cede sua vaga a Geandro. Na lateral-esquerda, Cleiton Cearense perdeu a vaga de titular para Romeu. Outra mudança é no ataque, Camilo volta para o meio-campo, sua posição original, e o ataque deve ser formado por Alison e Wellington Silva.

Tudo o que sabemos sobre:
PaulistaMaríliaPaulistão A-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.