Em crise, Portsmouth aponta novo chefe-executivo

Em crise, Portsmouth aponta novo chefe-executivo

O Portsmouth anunciou nesta sexta-feira que David Lampitt, chefe de integridade da Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês), é o novo chefe-executivo do clube. Ele irá suceder Peter Storrie no cargo no último colocado do Campeonato Inglês.

AE-AP, Agência Estado

09 de abril de 2010 | 14h33

Storrie renunciou ao cargo no mês passado, depois de ser alvo de protestos de torcedores por conta dos problemas financeiros do clube. O Portsmouth negociou a maioria dos seus principais jogadores para pagar suas dívidas e está muito próximo do rebaixamento, depois de perder nove pontos por ter entrado em concordata.

Lampitt estava na FA desde 2003 e estava envolvido na regulamentação de agentes e transferências. O dirigente é um qualificado contabilista e membro do Comitê de Licenciamento da Uefa. A entidade define os critérios de governança que as equipes devem ter para participar de competições europeias.

"É uma grande homenagem para ele que um dos nossos mais antigos e famosos clubes contem com sua experiência e caráter pessoal e conte com ele em um momento de grande dificuldade", afirmou David Triesman, presidente da FA. "Os torcedores do Portsmouth podem ter o conforto por uma sábia e perspicaz nomeação e eu desejo ao David todo sucesso", completou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPortsmouthDavid Lampitt

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.