Em Cuiabá, Corinthians põe à prova reação no Campeonato Brasileiro

Em Cuiabá, Corinthians põe à prova reação no Campeonato Brasileiro

Contra o Vitória, time de Mano Menezes persegue vaga na Libertadores e tenta chegar com moral no clássico, sábado

Vítor Marques, O Estado de S.Paulo

22 de outubro de 2014 | 05h00

Jogos que antecedem a clássicos são sempre importantes. Para o Corinthians, vencer o Vitória, às 19h30 de Brasília, na Arena Pantanal, representa chegar com moral alto para enfrentar o Palmeiras, sábado.

Além disso, os três pontos de hoje têm vários significados: provar que a eliminação para o Atlético Mineiro na Copa do Brasil ficou para trás; confirmar a reação depois da boa vitória de domingo contra o Internacional; continuar lutando por uma vaga na Libertadores e melhorar o retrospecto contra rivais que lutam para cair.


Esses são todos os aspectos que estão em disputa. Outro fator que pesará é o calor – o jogo será disputado às 18h30 de Cuiabá. Para se adaptar ao clima, o Corinthians realizou um treino no estádio ontem no mesmo horário do jogo.

O time levou o jogo a Cuiabá porque perdeu um mando de campo. O motivo foi a briga entre torcedores no clássico contra o São Paulo no dia 21 de setembro. A diretoria topou a viagem para embolsar cerca de R$ 1 milhão. 

O técnico Mano Menezes, que respirou aliviado depois de ganhar do Inter por 2 a 1, tem alguns problemas para escalar a equipe. Três jogadores estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo: Cássio, Fagner e Guerrero.

Claro que a ausência de Guerrero é aquela que mais atormenta o treinador. O peruano vive grande fase, em meio à instabilidade do time, e não há um outro substituto no elenco. Luciano é cotado para jogar no ataque.

Mano deve manter o time com dois armadores, como fez contra o Internacional, para ter mais posse de bola. “Jogando feio ou bonito, precisamos vencer”, disse o meia Petros. Já o Vitória, de Ney Franco, com apenas 31 pontos, luta contra o rebaixamento.

FICHA TÉCNICA:

Corinthians: Walter; Ferrugem, Gil, Anderson Martins e Fábio Santos; Bruno Henrique, Elias, Petros, Jadson e Renato Augusto; Luciano. Técnico: Mano Menezes.

Vitória: Wilson; Luiz Gustavo, Roger Carvalho, Cadu e Juan; Cáceres, Luís Aguiar, Marcinho e Richarlyson; Edno e Dinei.Técnico: Ney Franco.

Árbitro: Alinor Silva da Paixão (MT)

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)

Horário: 19h30

Transmissão: Pay-per-view


Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.