Em Curitiba, Cruzeiro tenta superar desfalques no jogo diante do Atlético-PR

Mano Menezes fez mistério e deve poupar alguns atletas

Estadão Conteúdo

29 Outubro 2016 | 08h00

Com chances remotas de classificação à final da Copa do Brasil, após perder o jogo de ida para o Grêmio por 2 a 0, em casa, o Cruzeiro encara o Atlético Paranaense neste sábado, às 16h30, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 33.ª rodada do Campeonato Brasileiro, com uma série de desfalques.

O zagueiro Léo e o meia Robinho, suspensos, são duas ausências confirmadas. Já o volante Henrique, em recuperação de um problema muscular na coxa, também está fora. E o atacante Rafael Sóbis, desgastado com a sequência de jogos, não treinou com bola nesta sexta-feira e deve iniciar no banco de reservas.

O técnico Mano Menezes fez mistério e outros titulares devem ser poupados. Uma oportunidade para o lateral-esquerdo Bryan ganhar mais uma chance no time. "Todo reconhecimento é bem-vindo. Sei das minhas qualidades, minha família e os torcedores também. O início não foi como o esperado, mas trabalhei forte para agarrar as oportunidades. Mais uma vez, caso seja escolhido, quero entrar e fazer uma ótima partida para conseguirmos a vitória", comentou o jogador.

Na 13.ª colocação com 41 pontos, o Cruzeiro diminuiu o risco de queda e seguirá em situação relativamente confortável mesmo em caso de derrota no Paraná. A difícil missão da equipe mineira agora é reverter o resultado ruim da semifinal da Copa do Brasil. O jogo da volta será disputado na próxima quarta-feira, em Porto Alegre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.