Ricardo Duarte/Internacional
Ricardo Duarte/Internacional

Em duelo de líderes, Inter bate América-MG e se isola na ponta da Série B

Nico López fez o gol da vitória por 2 a 1, aos 40 minutos do segundo tempo

Estadao Conteudo

27 de setembro de 2017 | 21h42

O Internacional levou a melhor no confronto dos líderes que fechou a 26.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Empurrado por mais de 36 mil pessoas no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, o time da casa venceu o América-MG por 2 a 1 e abriu vantagem na ponta da tabela de classificação.

Com a vitória, o time gaúcho chegou aos 51 pontos, agora com três a mais do que o América-MG, já que ambos começaram a rodada empatados. Paraná, com 46, e Vila Nova, com 45, completam o G4 - a zona de acesso. O primeiro time fora dela é o Ceará, com 42.

O jogo começou bem movimentado, com os dois times dispostos a buscar o ataque. Enquanto o América-MG apostava nos contragolpes, o Internacional era mais presente no campo de ataque e foi recompensado aos 27 minutos. D'Alessandro foi acionado na esquerda e descolou cruzamento na medida para Edenílson, que se infiltrou na área e apareceu livre para completar de cabeça, abrindo o placar. A vantagem, no entanto, durou apenas 12 minutos e o América-MG respondeu em belo gol de Luan, que dominou na entrada da área e finalizou no ângulo de Danilo Fernandes. A bola ainda desviou em Alemão e traiu o goleiro colorado.

Após o intervalo, o Internacional voltou com tudo e quase chegou ao segundo gol logo no primeiro minuto. Alemão cruzou da direita e William Pottker completou acertando o travessão. A pressão continuou e, aos 14, Pottker foi parado pelo goleiro João Ricardo com falta perigosa na entrada da área. Apesar da reclamação dos jogadores colorados, o árbitro paulista Marcelo Aparecido de Souza deu apenas cartão amarelo ao camisa 1 do América-MG, que se lesionou no lance e teve de ser substituído por Fernando Leal. O jogo ficou parado por mais de sete minutos e, na cobrança, D'Alessandro acertou a barreira.

De tanto insistir, o time da casa chegou ao gol da vitória aos 40 minutos, graças a jogadores que vieram do banco de reservas. Uendel fez lançamento longo para Camilo, que tinha acabado de entrar no lugar de D'Alessandro, e o meia deu uma casquinha de cabeça deixando o uruguaio Nico López, que entrou na vaga de Eduardo Sasha, livre para soltar o pé e estufar as redes.

O Internacional volta a campo neste sábado, às 16h30, quando enfrenta o Santa Cruz pela 27.ª rodada da Série B, em mais uma partida no estádio Beira-Rio. No domingo, às 11 horas, o América-MG recebe o Oeste no estádio Independência, em Belo Horizonte.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 2 x 1 AMÉRICA-MG

INTERNACIONAL - Danilo Fernandes; Alemão, Ernando, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson e D'Alessandro (Camilo); William Pottker, Leandro Damião (Charles) e Eduardo Sasha (Nico López). Técnico: Guto Ferreira.

AMÉRICA-MG - João Ricardo (Fernando Leal); Norberto, Rafael Lima, Lima e Pará; Juninho, Ernandes, Renan Oliveira (Ruy) e Matheusinho (Felipe Amorim); Luan e Edno. Técnico: Enderson Moreira.

GOLS - Edenílson, aos 27, e Luan, aos 39 minutos do primeiro tempo; Nico López, aos 40 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Victor Cuesta, Uendel, Rodrigo Dourado, D'Alessandro e Nico López (Internacional); João Ricardo, Fernando Leal, Lima e Luan (América-MG).

ÁRBITRO - Marcelo Aparecido de Souza (SP).

RENDA - R$ 741.017,00.

PÚBLICO - 32.685 pagantes (36.038 no total).

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.