Em entrevista, Robinho volta a criticar o Real Madrid

Jogador afirma que ambiente no Manchester City é mais agradável em relação ao do clube espanhol

EFE

29 de setembro de 2008 | 15h23

Um mês depois de acertar sua transferência do Real Madrid ao Manchester City, o atacante brasileiro Robinho fez críticas ao clube espanhol em entrevista ao jornal inglês Daily Star.    Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Calendário / Resultados / Classificação   "O ambiente no vestiário do Manchester City é muito melhor que no Real Madrid", comentou o ex-atacante do Santos na entrevista, reproduzida no site do jornal espanhol Marca.   O brasileiro, que deixou o Real brigado com o técnico alemão Bernd Schuster e a diretoria, fez questão de mencionar mais de uma vez o antigo clube na conversa com o jornal inglês.   Segundo Robinho, o Manchester City é sua nova casa. "Estou mais ligado ao grupo a cada dia. Quero dar o melhor de mim nesta temporada e disputar a Liga dos Campeões o mais rápido possível", comentou.   O jogador, que vem encantando os torcedores do clube, fez ainda mais promessas. "Marcarei o maior número de gols possível pelo Manchester City e mostrarei que valho a quantia paga pela minha transferência", afirmou o brasileiro.   "Em poucas semanas, todos os fãs do futebol inglês conhecerão o verdadeiro Robinho", ressaltou. Apesar das declarações, o atacante não foi bem na derrota da equipe para o Wigan, na última rodada do campeonato nacional.   O Manchester City é apenas o oitavo colocado do Inglês, com nove pontos em seis jogos. Chelsea - cuja proposta por Robinho foi recusada pelo Real - e Liverpool são os líderes, com 14.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.