Stephanie LeCocq/EFE
Stephanie LeCocq/EFE

Em grande fase, Darlan é vice-campeão da Diamond League no arremesso de peso

Catarinense conquistou a medalha de prata na etapa de Bruxelas, na Bélgica

Redação, Estadão Conteudo

05 de setembro de 2019 | 17h56

O catarinense Darlan Romani conquistou nesta quinta-feira a medalha de prata no arremesso de peso na etapa final da Diamond League, disputada em Bruxelas, na Bélgica. Com o resultado, o atleta brasileiro se sagrou vice-campeão do principal circuito de atletismo do mundo.

No embalo do ouro conquistado nos Jogos Pan-Americanos de Lima no Peru, Darlan anotou a marca de 22,15 metros, em sua terceira tentativa. Exibindo regularidade em sua grande fase, o brasileiro atingiu as seguintes distâncias em suas tentativas: 20,29m, 21,61m, 22,15m, 21,34m e 21,81m.

Ele só ficou atrás do neozelandês Tomas Walsh, atual campeão mundial, com 22,30m. Com o ouro, Walsh embolsou a premiação de US$ 50 mil (cerca de R$ 206 mil). A medalha de bronze ficou com o norte-americano Ryan Crouser, atual campeão olímpico, com 22,08m.

Em sua melhor temporada da carreira, Darlan vinha de um bronze obtido na etapa de Paris, no fim do mês passado. Antes, levara o ouro no Pan de Lima, sem dar qualquer chance aos rivais. Atualmente, ele ocupa a segunda posição da modalidade no ranking da IAAF. Só está atrás de Crouser.

Neste ritmo, ele chega em grande momento para o Mundial de Doha, no Catar, entre 27 de setembro a 6 de outubro. Sua preparação final será feita na cidade espanhola de León, a partir da próxima semana.

A Diamond League chegará ao fim nesta sexta-feira, com as principais disputas em Bruxelas. Somente o arremesso de peso foi disputado nesta quinta-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoDarlan Romani

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.