Em Guaratinguetá, Atlético-MG busca a vaga antecipada

O discurso é de respeito, mas o objetivo de todos no Atlético Mineiro é derrotar o Guaratinguetá, nesta quarta-feira, às 21h50, no estádio Dario Rodrigues Leite, em Guaratinguetá, pela rodada de ida da segunda fase da Copa do Brasil, por dois ou mais gols de diferença para evitar o jogo da volta, na semana que vem, em Belo Horizonte.

AE, Agencia Estado

15 de abril de 2009 | 07h46

O meia-atacante Lopes, por exemplo, não esconde que o objetivo do time no Vale do Paraíba é esse mesmo. "Estamos bem no Mineiro e conseguimos uma boa vitória na primeira fase da Copa do Brasil. Nossa equipe está bem preparada, bem condicionada e a gente espera fazer um bom jogo para, se possível, decidir a vaga já na casa do adversário", afirmou.

No clube paulista, a principal novidade será a estreia do técnico Candinho Farias, escolhido para substituir Márcio Araújo, que pediu demissão depois do abatimento gerado pela queda do time para a Série A-2. Curiosamente, Candinho é um dos destaques da Série A-3, onde dirigia o modesto Osvaldo Cruz.

O novo técnico sabe das dificuldades, mas também mostra otimismo em relação à partida. ?Todos devem estar motivados porque o Atlético é um dos maiores times do país. Sabemos das dificuldades, mas podemos fazer uma grande atuação?, disse o treinador, que terá apenas 18 jogadores para o confronto.

Jogadores experientes como o volante Alê e o atacante Wellington Amorim deixaram o clube. Quem ganha espaço é o atacante Lins, que deve atuar ao lado de Rodrigão.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa do BrasilAtlético-MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.