Javier Etxezarreta/EFE
Javier Etxezarreta/EFE

Gol contra garante empate ao Valencia contra o Eibar

Equipe conseguiu deixar placar igual aos 40 minutos do 2º tempo

Estadão Conteúdo

13 de dezembro de 2015 | 15h41

Em um jogo de diferentes emoções, com expulsões e pênalti desperdiçado pelos donos da casa, o visitante Valencia buscou um empate por 1 a 1 contra o Eibar com um gol contra marcado nos minutos finais. A partida foi válida pela 15.ª rodada do Campeonato Espanhol.

Com o resultado, as duas equipes foram a 21 pontos na tabela da competição nacional. No entanto, pelos critérios de desempate, o Valencia ocupa a oitava colocação, enquanto o Eibar é o décimo. O La Coruña, último time na zona de classificação à Liga Europa, tem 23 pontos.

Sergi Enrich abriu o placar para os donos da casa aos 45 minutos do primeiro tempo. O atacante apareceu na pequena área para completar um cruzamento certeiro de Keko para o fundo das redes.

Na segunda etapa, aos 17 minutos, o Eibar tinha tudo para ampliar a vantagem. Orban, do Valencia, cometeu pênalti e foi expulso. No entanto, Saúl Berjón cobrou mal, à meia altura no lado direito, e o goleiro Jaume defendeu.

Com um a mais, o Eibar pressionou, mas parou diversas vezes nas mãos do goleiro. Como um castigo, aos 40 minutos, o Valencia acabou empatando. André Gomes foi lançado na grande área e o zagueiro Juncá se enrolou para cortar e mandou para a própria meta.

Apesar da desvantagem numérica, os visitantes tentaram a virada, mas já não havia fôlego para isso. Nos acréscimos, Ramis fez falta por trás em Alcácer e levou cartão vermelho, mas o placar não foi alterado.

Agora as duas equipes voltam as suas atenções para a segunda fase da Copa do Rei. Na quarta-feira, o Eibar recebe o Ponferradina, enquanto o Valencia pega o Barakaldo. Pelo Espanhol, os times retornam a campo no próximo sábado.

BRIGA NA ZONA DE REBAIXAMENTO

Ainda neste domingo, o Málaga venceu o Rayo Vallecano por 2 a 1 de virada, fora de casa, e deixou a zona de rebaixamento da competição, chegando aos mesmos 14 pontos dos anfitriões, mas no 16.º lugar por ter melhor saldo de gols.

Javi Guerra abriu o placar para o Rayo Vallecano logo no início da partida, aos seis minutos. Na segunda etapa, aos 14, o brasileiro Charles buscou o empate para os visitantes e, aos 42, Duje Cop marcou o gol da virada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.