Fernando Alves/ ECJuventude
Fernando Alves/ ECJuventude

Em jogo com polêmica, Fluminense cede empate para o Juventude no Maracanã

Resultado é ruim para as duas equipes, que continuam ameaçadas de rebaixamento no Campeonato Brasileiro

Redação, Estadao Conteudo

02 de setembro de 2021 | 21h14

Em duelo entre duas equipes com campanhas semelhantes no Campeonato Brasileiro, Fluminense e Juventude ficaram no empate por 1 a 1 na noite desta quinta-feira, no Maracanã, em jogo adiado da 14ª rodada. O resultado não agradou nenhum dos clubes, que continuam ameaçados de rebaixamento.

Com o resultado, o Fluminense chegou aos 22 pontos e subiu para a 11ª colocação, levando a melhor diante de Santos, Juventude e São Paulo, todos com 22, nos critérios de desempate. O time gaúcho é o 13º.

Sob o comando do técnico Marcão, o Fluminense teve menos posse de bola no primeiro tempo, mas conseguiu criar boas oportunidades de gol. No entanto, também deu espaço ao Juventude, que foi para o duelo franco e teve um gol polêmico anulado pela arbitragem de Heber Roberto Lopes. Ele assinalou uma falta não tão clara de Rafael Forster, responsável por jogar a bola na rede, em Luccas Claro.


Apesar de toda reclamação, o time gaúcho não deixou de atacar e chegou a desperdiçar grande chance com Capixaba, na meia-lua. A bola não quis entrar nos primeiros 45 minutos da partida, já que o Fluminense também criou, principalmente Lucca e Yago Felipe. Ambos os times transformaram a partida em um duelo interessante, mas foram para o intervalo com o placar inalterado.


No segundo tempo, o gol saiu. Aos sete minutos, Ricardo Bueno perdeu a bola no meio de campo para Yago Felipe, que acionou Jhon Arias. O colombiano tabelou com o atacante Fred e chutou para abrir o placar. A bola ainda beliscou a trave antes de parar no fundo das redes.


Atrás do placar, Marquinhos Santos mexeu, jogou o Juventude para o ataque e foi recompensado. Logo de cara, Marcos Vinicios recebeu na frente do goleiro Marcos Felipe, tentou de letra e acabou errando. Mas aos 22 minutos, Wagner, que acabara de entrar, cobrou falta e contou com um desvio de Lucca para deixar tudo igual.


O Fluminense ainda tentou uma pressão nos minutos finais, mas o jogo acabou esfriando. Marcelo Carné ainda teve um pouco mais de trabalho, uma vez que o Juventude recuou, mas nada que modificasse a igualdade nesta quinta-feira.


Na próxima rodada, o Juventude enfrenta o Corinthians, na terça-feira, às 21h30, na Neo Química Arena, em São Paulo (SP). No mesmo dia e horário, o Fluminense visita a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó (SC).


FICHA TÉCNICA


FLUMINENSE 1 X 1 JUVENTUDE


FLUMINENSE - Marcos Felipe; Samuel Xavier, Nino, Luccas Claro e Egídio (Danilo Barcelos); André, Yago Felipe e Nonato (Cazares); Lucca (Luiz Henrique), Fred (Bobadilla) e Arias (Abel Hernández). Técnico: Marcão.


JUVENTUDE - Marcelo Carné; Michel, Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Matheus Jesus (Dawhan), Guilherme Castilho (Jadson) e Chico (Wagner); Paulinho Bóia (Bruninho), Ricardo Bueno e Capixaba (Marcos Vinícios). Técnico: Marquinhos Santos.


GOLS - Arias, aos sete, e Lucca (contra), aos 22 minutos do segundo tempo.


ÁRBITRO - Heber Roberto Lopes (SC).


CARTÕES AMARELOS - Arias e Samuel Xavier (Fluminense); Matheus Jesus (Juventude).


LOCAL - Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.